Padre que teria desviado dinheiro para sexo sadomasoquista é achado morto

Por André Medeiros
15/07/2020

Padre Peter Miqueli era acusado de desviar R$ 5 milhões de igreja

A polícia de Nova York encontrou Peter Miqueli, um padre da cidade de Nova York, morto em sua casa. O pároco era acusado de desviar quase R$ 5 milhões de uma igreja no bairro do Bronx.

Ainda não se sabe a causa da morte de Peter, que foi acusado pelos paroquianos que frequentavam o local de usar dinheiro da Igreja para pagar sessões de sexo sadomasoquista a um homem.

De acordo com os fiéis, nas sessões Peter Miqueli tinha de se comportar como escravo sexual do “mestre” Keith Crist, que até o forçava a beber a sua urina.

Além de pagar as sessões, que custavam cerca de R$ 5 mil, cada, Peter teria usado ainda cerca de R$ 320 mil em drogas ilícitas e mais R$ 1,4 milhão para comprar sua casa em Nova York. A Igreja diz ainda não ter provas sobre os crimes.

você tem que ler

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *